"Os Olhos do Dragão" de Stephen King

agosto 11, 2015


Trago-vos aqui mais uma boa leitura. Decidi tentar ler um livro por semana por isso podem esperar encontrar aqui mais resenhas de livros que acho interessantes.

Esta foi uma leitura muito boa. Um livro de fantasia que fala sobre Reis e príncipes. Dragões e feiticeiros. A escrita prende-nos desde o início, como se estivessem naqueles livros de fadas que líamos em crianças.


Passa-se num reino, o reino de Delain, onde reina um rei, Roland, e a sua mulher, Sasha. Tiveram dois filhos. Peter, o mais velho e herdeiro do trono, e Thomas, o mais novo. 

Peter tem a personalidade da mãe. É destemido, educado, corajoso e esperto. Está destinado a ser um bom Rei. Thomas, por sua vez, é como o pai, pouco esperto e muito medricas. Vive na sombra do irmão. Ele é apenas a segurança do reino, só serve para substituir o irmão se algo der errado. E isso mexe com ele, torna-o uma pessoa com raiva. Mesmo assim, ele não é mau, apenas se deixa levar pelas emoções.

Tudo poderia correr bem e este podia ter sido um reino tranquilo, não fosse um mágico traiçoeiro estar a planear algo maior para o reino. O mágico do Rei Roland planeia uma vingança. Deseja levar o reinado de Delain para as trevas, vê-lo a mergulhar na escuridão.


Vários acontecimentos se sucedem e a história é muito longa, como penso que foi intenção do autor torná-la assim. Ele constrói a personagem do mágico, Flagg, desde o inicio. E desde o início da história conseguimos entender o que ele pretende. Flagg planeia tudo ao pormenor e durante muito tempo (longos anos).

Toda a narrativa nos prende e o facto de ser longa não deixa o livro pesado ou cansativo. Nunca vi alguém escrever tão bem com Stephen King. Ele não se limita a contar a história, ele fala com o leitor, como se estivesse a contá-la pessoalmente a alguém. E isso fez-me envolver mais no conto e no livro, tornou-se cada vez mais pessoal.

Neste livro todos os pormenores, mesmo os menos importantes, em algum momento da história vão tornar-se cruciais. E isso faz o leitor estar atento a cada momento. Acho que isso torna a leitura mais interessante. Faz o leitor apegar-se ao livro para não perder pitada. É uma escrita bem inteligente na verdade. Eu achei fantástica!

O livro não se lê, devora-se!



Facebook Instagram | Twitter | Snapchat: rutemarques27

You Might Also Like

2 comentários

  1. Ai meu Deus do céu, que até me estou a sentir mal! Este é exatamente o tipo de livro que leio, sem tirar nem pôr! Exatamente o tipo de personagens e ficção que me fazem devorar os livros! Tenho tantos na minha lista de espera para ler, mas quando descubro livros assim, passam logo a ser prioridades. E este vai ser o próximo a ler, assim que terminar o terceiro livro do divergente. Já agora, esses livros são uma saga, ou é livro único?

    Ahh, conselho de coração: se gostaste assim tanto desse livro, não podes deixar de ler a Saga das Pedras Mágicas. São 7 livros, se não me engano, e começa com o "A Última Feiticeira", de Sandra Carvalho. Tens mesmo de ler, é uma saga mesmo muito, muito boa!

    Beijinhos,

    Catarina Gomes | http://cenasdumaraparigacomplicada.com/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ola Catarina. Desde já obrigada pela dica linda :) apaixonei-me tanto por este livro que quero ler mais deste género!! Vou pesquisar e ver se consigo ler :)

      Quanto à pergunta sobre o livro, não é parte de nenhuma saga, pelo menos este livro não já que tem um fim e não faz referência a nenhuma coleção. Beijos e volta sempre :)

      Eliminar

A vossa opinião é muito importante e ajuda o blog a crescer :)

Like Us on Facebook